quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Pra rua me levar

"Não quero o eterno: Certo e seguro.
Quero um instante: Inconstante e profundo."

3 comentários:

Delfim peixoto disse...

Sem dúvida o melhor...

LIA disse...

Olha cris, eu cá gosto dos instantes eternos e profundos,mesmo se inconstantes...
Beijinho no teu coraçaõ, "libelinha"!

Dabiel de Sá disse...

Não há LIbelinhA que eu tenha visto voar que não continue viva na minha memória e nos meus afectos.